Edição 244

Rascunho

Curitiba - PR

Como o título sugere, as narrativas — em primeira ou terceira pessoa — capturam nuances da vida de personagens em idade avançada
Rascunho

Curitiba - PR

Leia em PDF a edição 244, com destaque para a entrevista do escritor italiano Antonio Scurati. Arte da capa: Denise Gonçalves
André Caramuru Aubert

São Paulo - SP

Leia os poemas traduzidos "Seus olhos do universo", "Não sendo um bebê" e "Meio-dia migratório" e "Felicidade nas árvores"
Rogério Pereira

Curitiba - PR

A chuva escancarava nossa vergonha. A mera possibilidade nos apavorava.
Raquel Matsushita

São Paulo - SP

"O infarto da alma" retrata por meio de fotos e textos as relações amorosas entre internos de um hospital psiquiátrico
André Argolo

São Paulo - SP

O irônico e distópico “Vamos comprar um poeta”, de Afonso Cruz, faz uma defesa da poesia e sua função social
Cristiano de Sales

Curitiba - PR

Os poemas de "Modo de falar às coisas", de Francisco Pippio, investem na rearticulação dos significados da linguagem e do mundo
Rinaldo de Fernandes

João Pessoa - PB

Autor do conto O voo da madrugada era dono de uma narrativa inventiva, de linguagem lapidada, segurando com mão firme o seu narrador
Eduardo Ferreira

Brasília - DF

É, de fato, uma pergunta frequente que o tradutor faz a si mesmo, ao original e a seu autor. Onde está o sentido que preciso traduzir?
Nelson de Oliveira

São Paulo - SP

Que vontade louca de saltar pela janela e desbravar a metrópole, fazer dez vezes (ida e volta) a mesma viagem de metrô