Poemas de Joseph Ceravolo

Leia os poemas traduzidos "Seus olhos do universo", "Não sendo um bebê" e "Meio-dia migratório" e "Felicidade nas árvores"
Joseph Ceravolo, um dos ícones da poesia norte-americana
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Exclusivo para assinantes

Escolha um plano de assinatura e aproveite todo nosso conteúdo.
R$ 7,90 (digital) e R$ 12,90 (digital + impresso).

Clique aqui para assinar

JÁ É ASSINANTE?

Entrar

Joseph Ceravolo
(1934-1988) Foi, em vida, um poeta de poetas, admirado por gente como Frank O’Hara e Kenneth Koch, mas pouco lido. Com a publicação póstuma de seus Collected poems, num volume de 560 páginas, em 2013, o poeta ganhou definitivamente o status de ícone. Associado à segunda geração da New York School, Ceravolo era um mestre da concisão lírica.

André Caramuru Aubert

Nasceu em 1961, São Paulo (SP). É historiador formado pela USP, editor, tradutor e escritor. Autor de Outubro/DezembroA vida nas montanhas e Cemitérios, entre outros.

Leia também

Gisele Barão

Ponta Grossa - PR

A israelense Ayelet Gundar-Goshen fala sobre o processo de escrita de seus elogiados romances, que misturam boas tramas a dilemas morais
Rascunho

Curitiba - PR

Marco da literatura policial e um dos maiores romances do gênero, “O misterioso caso de Styles” apresenta pela primeira vez o detetive Hercule Poirot
Rascunho

Curitiba - PR

Professor da Universidade de Yale, historiador americano se dedica a estudar os grandes movimentos que mudaram o curso da história
Rascunho

Curitiba - PR

Nos dias 24 e 25 de outubro, série de conversas vai reunir autores como Milton Hatoum, Leonardo Boff, Holly Black e Itamar Vieira Junior, cronista do Rascunho