Oh, margem! Reinventa os rios!

Originalmente lançado em 2011 pelo Selo do Povo, este livro da escritora mineira volta às prateleiras brasileiras
Oh, margem! Reinventa os rios!
Cidinha da Silva
Oficina Raquel
126 págs.
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
01/02/2021

Originalmente lançado em 2011 pelo Selo do Povo, este livro da escritora mineira volta às prateleiras brasileiras com dois contos — um deles publicado inicialmente na Alemanha — e três novas crônicas, além de uma reestruturação narrativa, proposta pela editora Raquel Menezes, que dispõe os 22 textos como se fossem o curso de um rio. O conjunto, dando continuidade aos esforços literários de Cidinha da Silva para discutir um dos grandes problemas do país, suscitam reflexões, entre outros assuntos, acerca das práticas de racismo presentes no cotidiano do Brasil e a opressão sociopolítica. Prefaciada por Paulo Scott, autor de Marrom e Amarelo (2019), a obra escancara a tensão racial vivida pelo povo no dia a dia, em situações variadas, sem jamais deixar que as personagens retratadas percam a dignidade. “Aqui, diante de vocês, com a força que este nosso tempo exige, um livro urgente”, anota Scott.

Rascunho

Rascunho foi fundado em 8 de abril de 2000. Nacionalmente reconhecido pela qualidade de seu conteúdo, é distribuído em edições mensais para todo o Brasil e exterior. Publica ensaios, resenhas, entrevistas, textos de ficção (contos, poemas, crônicas e trechos de romances), ilustrações e HQs.

Publicidade