Corpos solitários

"O corpo interminável", de Claudia Lage, evoca a angústia e o mistério que permearam a ditadura militar — e ainda ecoam
Cláudia Laje, autora de O corpo interminável
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
30/01/2020
Exclusivo para assinantes

Escolha um plano de assinatura e aproveite todo nosso conteúdo.
R$ 7,90 (digital), R$ 12,90 (digital + impresso) e R$ 139,90 (digital + impresso anual).

Clique AQUI para assinar

JÁ É ASSINANTE?

Entrar

O corpo interminável
Claudia Lage
Record
195 págs.
Claudia Lage
Escritora e roteirista, publicou o livro de contos A pequena morte e outras naturezas, bem como o romance Mundos de Eufrásia, finalista do Prêmio São Paulo de Literatura, em 2010. Escreveu, ainda, Labirinto da palavra, com ensaios-crônicas sobre literatura e criação literária, tendo recebido o Prêmio de Literatura de Brasília e finalista do Prêmio Portugal Telecom. Seus roteiros podem ser vistos na TV Globo, Conspiração Filmes, entre outras produtoras. Atualmente, ministra cursos de roteiro e criação literária no Rio de Janeiro (RJ).

Faustino Rodrigues

Doutor em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Juiz de Fora (MG).

Publicidade