Marcos Marcionilo é o novo curador do Jabuti

As cronistas do "Rascunho" Ana Elisa Ribeiro e Bel Santos Mayer farão parte do conselho da 63ª edição do prêmio, que há um ano estava sem curador
Marcos Marcionilo, novo curador do prêmio Jabuti
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
16/03/2021

A Câmara Brasileira do Livro (CBL) anunciou o nome do novo curador do prêmio Jabuti. O editor e tradutor Marcos Marcionilo vai comandar a 63ª edição do concurso. Fundador da Parábola Editorial, focada em letras e linguística, ele já participou de três edições da premiação: em 2018, foi jurado e, em 2019 e 2020, integrou o conselho curador.

A premiação do ano passado não teve um curador. Pedro Almeida, da Faro Editorial, que deveria ocupar o cargo naquele ano, renunciou após repercussão negativa de um texto seu em que minimizava as mortes da pandemia da covid-19.

As cronistas do Rascunho Ana Elisa Ribeiro e Bel Santos Mayer farão parte do time comandado por Marcionilo, juntamente com o professor da Universidade de São Paulo Luiz Gonzaga Godoi Trigo e da editora Camile Mendrot. Eles compõem o conselho do concurso e vão “acompanhar as etapas do prêmio, analisar e deliberar sobre casos omissos, além de ser responsável por validar o corpo de jurados”.

Rascunho

Rascunho foi fundado em 8 de abril de 2000. Nacionalmente reconhecido pela qualidade de seu conteúdo, é distribuído em edições mensais para todo o Brasil e exterior. Publica ensaios, resenhas, entrevistas, textos de ficção (contos, poemas, crônicas e trechos de romances), ilustrações e HQs.

Publicidade