Manifestos e conteúdo latente: as vanguardas latino-americanas

Os manifestos mais instigantes são aqueles que inventaram formas inspiradas de lidar com a centralidade do outro na determinação da cultura
O poeta Oswald de Andrade, autor do “Manifesto da Poesia Pau-Brasil”
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
04/05/2021
Exclusivo para assinantes

Escolha um plano de assinatura e aproveite todo nosso conteúdo.
R$ 7,90 (digital), R$ 12,90 (digital + impresso) e R$ 139,90 (digital + impresso anual).

Clique AQUI para assinar

JÁ É ASSINANTE?

Entrar

João Cezar de Castro Rocha

É professor de Literatura Comparada da UERJ. Autor de Exercícios críticos: Leituras do contemporâneo e Crítica literária: em busca do tempo perdido?, entre outros.

Publicidade