Personagens mulheres dão corpo a narrativa contra machismo

"A costureira da rua quinze", do paraibano Hugo Monteiro Ferreira, tem no olhar de três mulheres e no tema da loucura seu foco principal
Hugo Monteiro Ferreira, autor de “A costureira da rua quinze”
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
10/06/2021

A Confraria do Vento acaba de publicar o novo livro do professor e escritor Hugo Monteiro Ferreira. O romance A costureira da rua quinze, dedicado à médica alagoana Nise da Silveira, tem nas mulheres e no tema da loucura seu foco principal.

O romance conta a história de Esmeralda, uma adolescente cega, cujo sonho é ver a face de seu pai, de Angélica, uma moça que viu sua mãe, Dona Carmem, ser vítima de violência doméstica por anos a fio, e de Tininha, uma jovem que deseja, antes de tudo, encontrar o amor de sua vida e casar.

Essas três mulheres decidem ir à procura de Elvira, uma costureira que faz roupas exclusivamente para mulheres e que por meio de suas roupas mágicas possibilita às suas clientes a possível solução para os problemas por elas vivenciados.

Chegar à Rua Quinze, todavia, nem é simples e nem fácil, é desafiador e exige coragem, dedicação e persistência. As três mulheres estão dispostas a cumprirem as exigências, a atravessarem os obstáculos, a ultrapassarem os limites impostos pelo trajeto até a casa de Elvira.

No livro, todas as personagens masculinas são coadjuvantes, não têm nomes, são tratadas por epítetos e representam as facetas tóxicas das masculinidades forjadas nas sociedades patriarcais, nas culturas agressivas contra meninas e mulheres.

Hugo Monteiro Ferreira é Doutor em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Pesquisador na área de saúde socioemocional de crianças, adolescentes e jovens, é autor da pesquisa Geração do quarto: quando crianças e adolescentes nos ensinam a amar. Em 2014, foi finalista do Prêmio Jabuti, na categoria Juvenil, com o livro Emílio ou quando se nasce com um vulcão ao lado.

A costureira da rua quinze
Hugo Monteiro Ferreira
Confraria do Vento
252 págs.

Rascunho

Rascunho foi fundado em 8 de abril de 2000. Nacionalmente reconhecido pela qualidade de seu conteúdo, é distribuído em edições mensais para todo o Brasil e exterior. Publica ensaios, resenhas, entrevistas, textos de ficção (contos, poemas, crônicas e trechos de romances), ilustrações e HQs.

Publicidade