Flipop reúne jovens autores nacionais e estrangeiros

A partir desta quinta-feira (22), a Flipop 2021 — Festival de Literatura Pop discute temas como representatividade e leitura na adolescência
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
21/07/2021

A partir desta quinta-feira (22), a editora Seguinte promove a Flipop 2021 Festival de Literatura Pop, que discute temas como representatividade e leitura na adolescência. O evento segue até domingo (25).

Neste ano, o evento, que já está em sua quinta edição, traz uma novidade: ele acontece dentro de uma plataforma virtual exclusiva com simulação dos ambientes físicos e espaços para interação.

Além disso, o festival inclui outras editoras (Editora Alt, Grupo Autêntica, Harper Collins Brasil, Editora Nacional, Editora Planeta, Rocco e ainda Suma e Seguinte — selos da Companhia das Letras) tanto com autores na programação, quanto na exposição de seus estandes virtuais onde serão realizadas as vendas de livros com desconto. A Estante Virtual também participa do evento como apoiadora de uma das mesas.

O ambiente virtual conta com diversos espaços, sendo o principal deles a tenda onde acontece a programação oficial do evento. Há também uma galeria ao ar livre com exposição de capas, os estandes das editoras participantes, além da “Tenda dos autores”, com diversos vídeos da Seguinte.

No andar de cima, há um grande solário com a simulação de um café, onde as pessoas poderão conversar por meio de salas virtuais nos intervalos das mesas. E o famoso letreiro do festival, que é sempre destaque no evento presencial. No ambiente virtual, ele aparece junto a uma cabine de fotos com diversos filtros, para que os participantes possam depois compartilhar essas imagens em suas redes sociais.

Autores
Na programação, os destaques internacionais são Leah Johnson, de Espere até me ver de coroa (Editora Alt), Rachel Hawkins, de Sua alteza real (Editora Alt), Elizabeth Acevedo, de Agora que ele se foi (Editora Nacional), Ibi Zoboi e Yusef Salaam, de Socando ao ar (HarperCollins Brasil), além das autoras de Blackout (Seguinte), Dhonielle Clayton, Tiffany D. Jackson, Angie Thomas, Ashley Woodfolk e Nicola Yoon. Quem completa a lista é Alice Oseman, de Heartstopper, série cujos dois primeiros volumes chegam como lançamentos ao festival.

Entre os autores nacionais há autores conhecidos do público de literatura jovem e fenômenos mais recentes, de diversas partes do Brasil. Nomes como Paula Pimenta, Íris Figueiredo, Clara Alves, Isadora Zeferino, Ilustralu, Juan Julian, Pedro Rhuas e Vitor diCastro, entre diversos outros, vão conversar sobre temas que vão de quadrinhos a astrologia, de histórias LGBTQIAP+ à necessária pluralidade geográfica nos livros YA.

Os leitores poderão interagir diretamente com os autores em sessões de autógrafos virtuais (veja mais informações abaixo, além da programação completa). As inscrições para a Flipop 2021 são gratuitas e devem ser feitas através do site do evento.

Rascunho

Rascunho foi fundado em 8 de abril de 2000. Nacionalmente reconhecido pela qualidade de seu conteúdo, é distribuído em edições mensais para todo o Brasil e exterior. Publica ensaios, resenhas, entrevistas, textos de ficção (contos, poemas, crônicas e trechos de romances), ilustrações e HQs.

Publicidade