Expoente do microconto chinês em tradução inédita

“A festa de um homem só”, publicado pela Jaguatirica, reúne cinco dos livros mais festejados de Lao Ma; a versão em português é de Caio Yurgel
Lao Ma, autor de “A festa de um homem só”
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
01/03/2021

A festa de um homem só, de Lao Ma, está em pré-venda pela Jaguatirica. A obra, que reúne cinco dos livros mais festejados deste que é considerado o pai do microconto chinês, chega ao público brasileiro em tradução de Caio Yurgel.

Na reunião de breves narrativas, a realidade de um país que ocupa cada vez mais uma posição central no mundo é relatada — com todo o absurdo intrínseco à existência humana. Segundo o próprio autor, as histórias são “belas, tristes, perspicazes e humorísticas”.

“A realidade chinesa é muito mais complexa (e interessante) do que a maneira como se noticia o país no exterior. Essa foi a grande mediação cultural dessa tradução, tentar fazer o que qualquer bom texto deve fazer: causar empatia”, explica Yurgel.

O conjunto é fruto da 4ª Conferência Internacional de Cooperação à Publicação e Imprensa, que ocorreu nos dois primeiros dias de dezembro de 2020. A Jaguatirica, representando editoras independentes brasileiras, conseguiu a publicação.

A festa de um homem só
Lao Ma
Trad.: Caio Yurgel
Jaguatirica
340 págs.

Rascunho

Rascunho foi fundado em 8 de abril de 2000. Nacionalmente reconhecido pela qualidade de seu conteúdo, é distribuído em edições mensais para todo o Brasil e exterior. Publica ensaios, resenhas, entrevistas, textos de ficção (contos, poemas, crônicas e trechos de romances), ilustrações e HQs.

Publicidade