O gênio modesto

"Conversas" apresenta um relato rico e contraditório, fascinante e profundo de Graciliano Ramos
Ilustração: Graciliano Ramos por Dê Almeida
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Exclusivo para assinantes

Escolha um plano de assinatura e aproveite todo nosso conteúdo.
R$ 7,90 (digital) e R$ 12,90 (digital + impresso).

Clique aqui para assinar

JÁ É ASSINANTE?

Entrar

Conversas
Graciliano Ramos
Org.: Ieda Lebensztayn e Thiago Mio Salla
Record
420 págs.
Graciliano Ramos
Nasceu em Quebrangulo (AL), em 1892, e morreu no Rio de Janeiro (RJ), em 1953. Filho de um comerciante, teve infância difícil e solitária. Publicou seu primeiro livro, Caetés (1933), aos quarenta anos. Publica em seguida São Bernardo (1934) e é preso e levado para o Rio de Janeiro quando acabara de entregar os originais do seu terceiro romance, Angústia (1936). Ao sair da prisão, em 1938, publica seu livro até hoje mais famoso, Vidas secas (1938). Em 1945 é lançado Infância, sobre seus tempos de criança no sertão. A experiência na Ilha Grande será transformada em Memórias do cárcere (1953). É autor de mais seis livros, sem contar os infantojuvenis e as coletâneas de contos que organizou. Ao morrer era considerado, e ainda o é, um dos mais importantes escritores brasileiros de todos os tempos.

Marcos Alvito

É antropólogo e professor da Universidade Federal Fluminense. Autor de sete livros, sendo os dois mais recentes Histórias do samba: de João da Baiana a Zeca Pagodinho e A rainha de chuteiras: um ano de futebol na Inglaterra.

Publicidade

Leia também

Carolina Vigna

São Paulo - SP

Ser e viver sozinho não é para qualquer um. E tampouco são sinônimos
Rascunho

Curitiba - PR

Com capa dura, título conta com organização e prefácio do poeta Eucanaã Ferraz, além de posfácio de Otto Lara Resende, publicado originalmente em 1967
Rascunho

Curitiba - PR

Segunda edição do concurso vai premiar projeto inédito de livro-reportagem com R$ 15 mil e contrato para publicação da obra
Rascunho

Curitiba - PR

Com atividades gratuitas, evento acontece de 7 a 13 de dezembro e vai reunir 330 autores, entre eles Mauricio de Sousa, Raphael Montes e Mário Sergio Cortella