O discreto charme da burguesia

"As sobras de ontem", primeiro romance de Marcelo Vicintin, não convence ao tentar dar vida a um figurão do ramo empresarial no Brasil contemporâneo
Marcelo Vicintin, autor de “As sobras de ontem”
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
03/01/2021
Exclusivo para assinantes

Escolha um plano de assinatura e aproveite todo nosso conteúdo.
R$ 7,90 (digital), R$ 12,90 (digital + impresso) e R$ 139,90 (digital + impresso anual).

Clique AQUI para assinar

JÁ É ASSINANTE?

Entrar

As sobras de ontem
Marcelo Vicintin
Companhia das Letras
213 págs.
Marcelo Vicintin
Nasceu em São Paulo (SP), em 1981. É formado em Administração pela Eaesp-FGV, com MBA pelo Insead, na França. Nos últimos 15 anos trabalhou em diversas empresas no Brasil e no exterior. Fundou em 2015 a Axis Renováveis, especializada em energia solar. As sobras de ontem é o seu primeiro romance.

Haron Gamal

É doutor em literatura brasileira pela UFRJ e professor de literatura brasileira da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Macaé. Autor dos livros Magalhães de Azeredo – série essencial (ABL) e Estrangeiros – a representação do anfíbio cultural na prosa brasileira de ficção (Ibis Libris).

Últimas edições

Publicidade

Publicidade