Memórias de lugar nenhum

Com traços autobiográficos, romance de estreia de Alejandro Chacoff faz raio X de uma família desestruturada pelo dinheiro e os deslocamentos geográficos
Alejandro Chacoff, autor de “Apátridas”
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Exclusivo para assinantes

Escolha um plano de assinatura e aproveite todo nosso conteúdo.
R$ 7,90 (digital) e R$ 12,90 (digital + impresso).

Clique aqui para assinar

JÁ É ASSINANTE?

Entrar

Apátridas
Alejandro Chacoff
Companhia das Letras
192 págs.
Alejandro Chacoff
Nasceu em Cuiabá (MT), em 1983. Aos dois anos de idade, mudou-se para os Estados Unidos. Depois de ter passado por Chile, Inglaterra e Argentina, voltou ao Brasil. Atualmente, vive no Rio de Janeiro (RJ). Desde 2016, assina críticas literárias e ensaios na revista piauí. É também colaborador de publicações como The New Yorker e The Guardian. “Apátridas” (2020) é o livro de estreia do autor.

Victor Simião

Formado em jornalismo e ciências sociais, coordena o clube de leitura Bons Casmurros em Maringá (PR).

Publicidade

Leia também

Rascunho

Curitiba - PR

Cida Pedrosa: “Tenho surtos criativos e nestes momentos fico ligada, pronta para a presa, em estado de palavra”
Luiz Ruffato

São Paulo - SP

Ocupamos o último lugar no ranking mundial de valorização da profissão de professor, e isso antecipa o retrato do que o Brasil será no futuro
Rascunho

Curitiba - PR

A poeta pernambucana Cida Pedrosa venceu as categorias Poesia e Livro do Ano, com “Solo para vialejo”; Nélida Piñon, Carla Bessa e Itamar Vieira Junior também foram premiados
Rascunho

Curitiba - PR

O livro “Contos” traz 25 narrativas curtas do autor de “A montanha mágica”, com posfácio do crítico inglês Terence J. Reed