Cidades partidas

Entre Paris e São João do Meriti, personagem se vê duplicado num jogo entre a vida real e a virtual
Márcio-André, autor de “Leonardo contra Paris”
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Exclusivo para assinantes

Escolha um plano de assinatura e aproveite todo nosso conteúdo.
R$ 7,90 (digital) e R$ 12,90 (digital + impresso).

Clique aqui para assinar

JÁ É ASSINANTE?

Entrar

Leonardo contra Paris
Márcio-André
Confraria do Vento
127 págs.
Márcio-André
Nasceu em 1978 no Rio de Janeiro (RJ). Autor traduzido para mais de vinte idiomas, sua obra inclui poesia, ensaio, performance, arte digital e cinema. Publicou Intradoxos (2007), Ensaios radiativos (2008) e Poemas apócrifos de Paul Valéry (2014), este último finalista do Prêmio Jabuti e semifinalista do Prêmio Oceanos. Recebeu bolsa da Fundação Biblioteca Nacional 2008 pelo ensaio Poética das casas. Como cineasta, dirigiu produções internacionais como Artaud em Compostela, Man in the crowd, El concepto de ironia e Cosy for two at Kuleshov St.

Haron Gamal

É doutor em literatura brasileira pela UFRJ e professor de literatura brasileira da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Macaé. Autor dos livros Magalhães de Azeredo – série essencial (ABL) e Estrangeiros – a representação do anfíbio cultural na prosa brasileira de ficção (Ibis Libris).

Publicidade

Leia também

Rascunho

Curitiba - PR

O livro, uma adaptação do roteiro de “Era uma vez em… Hollywood”, mais recente longa-metragem do cineasta americano, será publicado no Brasil pela Intrínseca
Rascunho

Curitiba - PR

Em seu livro, Gustav Mayer passa pelos principais eventos da vida de um dos criadores do socialismo científico, que em 2020 tem seu bicentenário de nascimento comemorado
Tiago Germano

Porto Alegre - RS

Como Norwich, pequena cidade do interior da Inglaterra, tornou-se um polo mundial da literatura revelando escritores premiados com o Pulitzer, Booker Prize e até o Nobel
Rascunho

Curitiba - PR

A autora da “Tetralogia napolitana” divulgou uma lista com seus 40 livros favoritos de escritoras de todo o mundo