América Latina, sempre ela

Consagrado no romance histórico, Mario Vargas Llosa retorna ao gênero em "Tempos ásperos" para abordar golpes militares na Guatemala do século 20
Mario Vargas Llosa vai ocupar a cadeira 18 da Academia Francesa
13/01/2021
Exclusivo para assinantes

Escolha um plano de assinatura e aproveite todo nosso conteúdo.
R$ 9,90 (digital), R$ 15,90 (digital + impresso) e R$ 139,90 (digital + impresso anual).

Clique AQUI para assinar

JÁ É ASSINANTE?

Entrar

Tempos ásperos
Mario Vargas Llosa
Trad.: Paulina Wacht e Ari Roitman
Alfaguara
279 págs.
Mario Vargas Llosa
Nasceu em Arequipa (Peru), em 1936. É autor de romances, contos e peças de teatro. Entre outros trabalhos reconhecidos internacionalmente estão Tia Julia e o escrevinhador (1977), A festa do bode (2000), Travessuras da menina má (2006) e Conversas no Catedral (1969). Em 2010, recebeu o Prêmio Nobel de Literatura.
Victor Simião

Formado em jornalismo e ciências sociais. Atualmente, é secretário de Cultura de Maringá (PR). Criou o clube de leitura Bons Casmurros.

Rascunho