Romance da República de Curitiba

“A tensão superficial do tempo”, de Cristovão Tezza, recria a experiência de viver um presente imediato que não sai do lugar
Ilustração: Cristovão Tezza por Fabio Abreu
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
02/09/2020
Exclusivo para assinantes

Escolha um plano de assinatura e aproveite todo nosso conteúdo.
R$ 7,90 (digital), R$ 12,90 (digital + impresso) e R$ 139,90 (digital + impresso anual).

Clique AQUI para assinar

JÁ É ASSINANTE?

Entrar

A tensão superficial do tempo
Cristovão Tezza
Todavia
272 págs.

Miguel Sanches Neto

Escritor e crítico literário, é autor de mais de 30 livros, como os romances Chove sobre minha infância (Record), Um amor anarquista (Record), A máquina de madeira (Companhia das Letras) e A segunda pátria (Intrínseca).

Publicidade