Poemas de Seamus Deane

Leia os poemas traduzidos "Queda de energia", "Derry ", "Raízes", "Guerras graduais", "Guerilheiros" e "Voltando do exílio"
Seamus Deane, poeta irlandês
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
01/05/2021
Exclusivo para assinantes

Escolha um plano de assinatura e aproveite todo nosso conteúdo.
R$ 7,90 (digital), R$ 12,90 (digital + impresso) e R$ 139,90 (digital + impresso anual).

Clique AQUI para assinar

JÁ É ASSINANTE?

Entrar

Seamus Deane
Dentre os grandes nomes da poesia irlandesa de sua geração, como Seamus Heaney, Michael Longley e Eavan Boland, Seamus Deane (1940) talvez seja o menos conhecido fora de seu país. E é, também, o “menos irlandês”, tanto em temática quanto em estilo, declaradamente influenciado que é por poetas de outras línguas e países, como Rilke e W. S. Merwin. Em seus poemas há com frequência uma tensão entre a história, vista de uma perspectiva mais geral, e o indivíduo, em suas experiências rotineiras, amorosas, etc.
André Caramuru Aubert

Nasceu em 1961, São Paulo (SP). É historiador formado pela USP, editor, tradutor e escritor. Autor de Outubro/DezembroA vida nas montanhas e Cemitérios, entre outros.

Últimas edições

Publicidade

Publicidade

Rascunho