Poemas de Chantal Maillard

Leia os poemas traduzidos "sem titulo"
Chantal Maillard, autora de “Lógica borrosa”
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Exclusivo para assinantes

Escolha um plano de assinatura e aproveite todo nosso conteúdo.
R$ 7,90 (digital) e R$ 12,90 (digital + impresso).

Clique aqui para assinar

JÁ É ASSINANTE?

Entrar

Chantal Maillard

Nascida em Bruxelas e naturalizada espanhola, a poeta, ensaísta e tradutora Chantal Maillard é doutora em filosofia e professora titular de estética e teoria da arte na Universidade de Málaga. Especializou-se em filosofia e religião hindu em Benares. Como poeta publicou, entre outros, os livros Semillas para un cuerpo (1987), Hainuwele (1990, Prêmio Ricardo Molina), Poemas a mi muerte (1994, Prêmio Santa Cruz de La Palma), Lógica borrosa (2002) e Matar a Platón (2004, Prêmio Nacional de Literatura, do qual foram selecionados estes poemas).

Publicidade

Leia também

Rascunho

Curitiba - PR

O livro, uma adaptação do roteiro de “Era uma vez em… Hollywood”, mais recente longa-metragem do cineasta americano, será publicado no Brasil pela Intrínseca
Rascunho

Curitiba - PR

Em seu livro, Gustav Mayer passa pelos principais eventos da vida de um dos criadores do socialismo científico, que em 2020 tem seu bicentenário de nascimento comemorado
Tiago Germano

Porto Alegre - RS

Como Norwich, pequena cidade do interior da Inglaterra, tornou-se um polo mundial da literatura revelando escritores premiados com o Pulitzer, Booker Prize e até o Nobel
Rascunho

Curitiba - PR

A autora da “Tetralogia napolitana” divulgou uma lista com seus 40 livros favoritos de escritoras de todo o mundo