Genealogia da moral americana

Obra de Salinger apresenta o contraponto da cultura megalomaníaca dos Estados Unidos no pós-guerra e que acabou por influenciar o ocidente
Ilustração: Eduardo Souza
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
02/09/2020
Exclusivo para assinantes

Escolha um plano de assinatura e aproveite todo nosso conteúdo.
R$ 7,90 (digital), R$ 12,90 (digital + impresso) e R$ 139,90 (digital + impresso anual).

Clique AQUI para assinar

JÁ É ASSINANTE?

Entrar

O apanhador no campo de centeio
J. D. Salinger
Trad.: Caetano W. Galindo
Todavia
256 págs.
J. D. Salinger
Nasceu em 1919, em Nova York. Antes de ganhar fama com O apanhador no campo de centeio, publicou seus contos em diversas revistas, entre elas a New Yorker e a Esquire. É autor de Nove histórias, Franny & Zooey e Carpinteiros, levantem bem alto a cumeeira & Seymour, uma apresentação. Morreu em janeiro de 2010, em New Hampshire.

Jonatan Silva

É jornalista e escritor, autor de O estado das coisas e Histórias mínimas.

Publicidade