Da janela lateral

Temos transformado nosso presente em notas de repúdio, arrumação da casa, lives interessantes e desinteressantes, aprendizado de novas formas de comunicação
Ilustração: FP Rodrigues
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
02/01/2021
Exclusivo para assinantes

Escolha um plano de assinatura e aproveite todo nosso conteúdo.
R$ 7,90 (digital) e R$ 12,90 (digital + impresso).

Clique aqui para assinar

JÁ É ASSINANTE?

Entrar

Noemi Jaffe

É escritora, doutora em literatura brasileira pela USP e coordenadora do Espaço Cultural Literário Escrevedeira. Autora de O livro dos começos, Írisz: as orquídeas e O que ela sussurra, entre outros

Publicidade

Leia também

Raimundo Carrero

Recife - PE

Em “Terras do sem-fim”, Jorge Amado faz da linguagem um meio para denunciar as agressões sociais, traço marcante em toda sua vasta obra
Nilma Lacerda

Rio de Janeiro - RJ

O ato de mediar uma leitura, isto é, de colocar-se entre o leitor ou a leitora e um texto pede delicadeza, competência, humildade e respeito
Nelson de Oliveira

São Paulo - SP

A arrogância do mundo livresco tem certeza de que os indivíduos que não cultivam o hábito da leitura são criaturas espiritualmente aleijadas, humanos pela metade
Miguel Sanches Neto

Ponta Grossa - PR

Como todo romance que se quer histórico, "Um dia chegarei a Sagres", de Nélida Piñon, está estruturalmente contaminado pelos valores atuais