ROGÉRIO PEREIRA

Ilustração: Mariana Tavares

Três almas penadas

Por ROGÉRIO PEREIRA

O inimigo era quase maior que meu irmão, o mais espigado soldado de nosso mambembe exército

Ilustração: Raquel Matsushita

Carta a F. ou O assobio perdido

Por ROGÉRIO PEREIRA

O avô dependurado na árvore e um presidente de cabelos penteados

Ilustração: Carolina Vigna

O elefante

Por ROGÉRIO PEREIRA

O animal adentra a casa e acomoda-se tranquilo entre nós

Ilustração: Raquel Matsushita

Nós, os ladrões

Por ROGÉRIO PEREIRA

Carrego uma lista enorme de pequenos furtos

Edimilson de Almeida Pereira, autor de Poesia +

Um ato radical

Por ROGÉRIO PEREIRA

Perplexo diante de um Brasil em ebulição, Edimilson de Almeida Pereira reúne na antologia “Poesia +” parte de sua produção dos últimos 30 anos

Arte: Marcelo Cipis

Rascunho, 20 anos

Por ROGÉRIO PEREIRA

As quase inacreditáveis duas décadas deste jornal de literatura

Ilustração: Matheus Vigliar

Anotações (quase) íntimas e caóticas

Por ROGÉRIO PEREIRA

Um recorte da aventura de 20 anos do Rascunho

Rogerio_Pereira_ilustra_2_239

Duelo de silêncios

Por ROGÉRIO PEREIRA

A descoberta de que alguns diálogos são impossíveis e não dependem apenas da boca

Cemitério Municipal do Água Verde é revitalizado.
-Na imagem, pavimentação nova.
Curitiba, 24/10/2015
Foto:Cesar Brustolin/SMCS

Toda cicatriz desaparece

Por ROGÉRIO PEREIRA

Quando depositamos o caixão sobre a estrutura mal-ajambrada e começamos a empurrá-la, a imagem me pareceu risível

Ilustração: Girassóis, de Van Gogh

Tudo acaba num fim de domingo

Por ROGÉRIO PEREIRA

Vendíamos flores coloridas para embelezar a morte alheia

Ilustração: Carolina Vigna

O menino sem dedos

Por ROGÉRIO PEREIRA

O fracasso era uma peste entre o lápis e o caderno

Ilustração: Raquel Matsushita

Bumerangue não voa

Por ROGÉRIO PEREIRA

Quando notei, um pedaço da minha perna balançava despregado do osso — uma orelha de elefante à venda num açougue ordinário