RAFAEL ZACCA

Poeta Carlos Assumpção. Fotos Ricardo Benichio

Depois do cataclismo branco

Por RAFAEL ZACCA

A reunião de poemas “Não pararei de gritar”, de Carlos de Assumpção, reaviva o debate sobre herança e cânone literário

Gertrude Stein, autora de O que são obras-primas?

Escrita, repetição e diferença

Por RAFAEL ZACCA

A coletânea “O que são obras-primas?” é uma radiografia do método Gertrude Stein

Eunice Arruda, autora de Visível ao destino

Colar o ouvido nas noites

Por RAFAEL ZACCA

A coletânea “Visível ao destino”, de Eunice Arruda, traz uma poesia lírica na era do antilirismo

Donizete_Galvao_2_234

Poeta ao rés do chão

Por RAFAEL ZACCA

“O antipássaro” insere-se na tradição poética urbana, em que a cidade é representada como uma “segunda natureza”

Hilda Machado, autora de Nuvens

O ritmo das imagens

Por RAFAEL ZACCA

Nos poemas de “Nuvens”, de Hilda Machado, coisas e ideias convivem no mesmo ambiente

Galerie Vero-Dodat

Acúmulo de catástrofes

Por RAFAEL ZACCA

O inacabado “Passagens”, de Walter Benjamin, pretendia apresentar um tempo em que os homens “divinizaram” a mercadoria e o mercado

jorge-amado-2-l

Ideologia e desonestidade

Por RAFAEL ZACCA

Carta aos melhores críticos vivos em resposta ao senhor Rodrigo “Repetidor” Gurgel

Thiago_Camelo_divulgacao_220

Um freio no mundo

Por RAFAEL ZACCA

Thiago Camelo aposta em poemas longos contra a aceleração da vida contemporânea

Edimilson de Almeida Pereira, autor de E.

Quase enigma

Por RAFAEL ZACCA

“Qvasi” e “E”, de Edimilson de Almeida Pereira, carregam a força teórica do poeta e provocam reflexão

Luiz_Costa_Lima_1_213

Fauna triste

Por RAFAEL ZACCA

Luiz Costa Lima faz de “Melancolia” um livro multigenérico, de poética, ciências humanas e filosofia

Laura_Erber_1_209

A forma deformada

Por RAFAEL ZACCA

Os poemas de “A retornada”, de Laura Erber, parecem dignificar a experiência traumática

Augusto dos Anjos, autor de Toda poesia

Operário da ruína

Por RAFAEL ZACCA

A poesia de Augusto dos Anjos utiliza as duras engrenagens da ciência para escancarar de coisas minúsculas a abismos