janeiro 2018

Fabio Silvestre Cardoso

São Paulo - SP

"Gostar de ostras" mostra a transformação profunda de seus personagens numa época de mudanças abruptas
Jonatan Silva

Curitiba - PR

"As coisas que perdemos no fogo" explora o horror que habita as grandes cidades em situações grotescas e cotidianas
Vanessa C. Rodrigues

Curitiba - PR

A genialidade narrativa de Anne Enright consiste em construir um personagem a partir de suas conexões com os outros
Luiz Horácio

Viamão - RS

"Literatura e animalidade" examina os meandros da nossa rica e imprescindível relação com os animais
Daniel Falkemback

Curitiba - PR

Adolfo Bioy Casares nos leva para uma ilha de mistérios que se torna um desafio à razão
Clayton de Souza

São Paulo - SP

Em "Jane Eyre", Charlotte Brontë retrata o percurso dramático de uma jovem na Inglaterra vitoriana
Wladimir Saldanha

Salvador - BA

Entre muitos acertos e alguns deslizes na tradução, "Campos de Castela" é livro indispensável de Antonio Machado
Patricia Peterle

Florianópolis - SC

"As onze mil varas" é uma divertida e sacana aventura que ridiculariza a sociedade francesa do final do século 19
José Castello

Curitiba - PR

Pushkin estava certo: temos sempre a tendência a preferir o hábito, que é seguro e estável, à felicidade
Raimundo Carrero

Recife - PE

Com o narrador oculto, a obra de ficção torna-se um jogo de armar e abre maiores perspectivas para a criação