219

Ilustração: Fábio Abreu

A volta do contista

Por MIGUEL SANCHES NETO

Estreando na prosa com duas coletâneas bem recebidas criticamente, Histórias de remorsos e rancores (1998) e os sobreviventes (2000), Luiz Ruffato não seguiu na carreira de contista, embora esta seja a sua vocação primeira

Caco Ciocler, autor de Zeide.

O tesouro das histórias

Por CELSO GUTFREIND

“Zeide”, romance de Caco Ciocler, está repleto de diversas perspectivas ou focos narrativos

Evandro Affonso Ferreira, autor de Nunca houve tanto fim como agora.

Filosofia do abandono

Por GISELE BARÃO

O sentido da vida nas ruas e a exclusão social são temas de “Nunca houve tanto fim como agora”

Ilustração: Bruno Schier

A fuga para dentro

Por JOSÉ CASTELLO

Em cima da árvore, conto que o japonês Yasunami Kawabata escreveu em 1962. Um relato discreto, muito breve, mas afiado que, transformando a escrita em vida, me empurra de volta à minha própria infância

Ilustração: Tereza Yamashita

A concretude dos mundos reais

Por NELSON DE OLIVEIRA

Reproduzo abaixo os principais trechos de sua carta aberta. O texto integral será oportunamente publicado na web

Vidraça_Juliana Leite_219

Prêmio Sesc

Por Jonatan Silva | Coluna

Notas sobre literatura e mercado editorial

Ilustração: Isadora Machado

A virada acadêmica de Hilda Hilst (II)

Por Alcir Pécora

A impressionante virada acadêmica que se deu em torno da obra da escritora paulista Hilda Hilst (1930-2004). Ignorada ao longo de quase toda a sua vida, essa obra passou, a partir dos anos 2002-2004, a ser um dos objetos mais frequentes de monografias de fim de curso de graduação

Benjamin Tammuz, autor de Minotauro.

Buscar o abismo

Por Leandro Reis

“Minotauro”, de Benjamin Tammuz, constrói-se de pistas falsas, alusões ambíguas, múltiplos pontos de vista

Rascunho_219_capa_arte_Alexandre_Rampazo

Capa_julho_18

Por Alexandre Rampazo