Simetrias dissonantes

Ilustração: Eduardo Souza

Trilogia da perdição

Por NELSON DE OLIVEIRA

Em torno da maldade três obras se conectam, se refletem, pavorosas

Ilustração: Valdir Heitkoeter

Maupassant: o domínio do mínimo

Por NELSON DE OLIVEIRA

Maupassant é o típico autor que deleita os leitores e assombra os escritores.

Ilustração: Dê Almeida

Nada a ver, tudo haver

Por NELSON DE OLIVEIRA

[desaforismos & atrevimáximas]

Ilustração: Eduardo Souza

Uma resenha

Por NELSON DE OLIVEIRA

Depois de quase cem anos de silêncio, Amina Ngozi Aidoo volta a falar

Ilustração: Carolina Vigna

O deflorador de sonhos

Por NELSON DE OLIVEIRA

Ele chegou a Paris sem falar francês, sem conhecer ninguém, sem um tostão no bolso

Fausto Fawcett, autor de

Artimanhas do híbrido

Por NELSON DE OLIVEIRA

Não existe zona de conforto na jornada parapsicológica de Mateus e Verinha

Ilustração: Tereza Yamashita

O poeta maldito sob o peso embriagado da vitória moral

Por NELSON DE OLIVEIRA

António é um xamã urbano, é uma hipersensibilidade subversiva

Ilustração: Tereza Yamashita

Insônia ou amnésia

Por NELSON DE OLIVEIRA

Ele pegou a garrafa, encheu os copos e brindamos ao futuro do pretérito

Ilustração: Dê Almeida

Ficção fantástica: Notas de uma palestra para cronópios, famas e esperanças

Por NELSON DE OLIVEIRA

Dois modos opostos de pensar a realidade e a ficção: o realismo fragmentário de Memórias sentimentais de João Miramar e […]

Ilustração: Tereza Yamashita

Notas num moleskine tropical

Por NELSON DE OLIVEIRA

A reinvenção da roda é o que mais me agrada nas oficinas de criação literária

nelson_de_oliveira_ilustra_rafa_camargo_197

Abracadabra axial

Por NELSON DE OLIVEIRA

Mais um pouco de simbiose, mais um bocado de distopia

Ilustração: Osvalter

Billy Pilgrim anteviu o avesso da vida

Por NELSON DE OLIVEIRA

Reduzo a imensa variedade de temas da literatura universal a um só