HARON GAMAL

Mariana Salomão Carrara, autora de Se Deus me chamar não vou

Tempos sombrios

Por HARON GAMAL

“Se Deus me chamar não vou”, de Mariana Salomão Carrara, trata de temas como solidão, sofrimento e imortalidade

Carlos Machado, autor de Esquina da minha rua

Subversão e estranhamento

Por HARON GAMAL

Na novela “Esquina da minha rua”, Carlos Machado discute as angústias do imigrante

Ronaldo Correia de Brito, autor de Dora sem véu

O véu da desilusão

Por HARON GAMAL

A protagonista de “Dora sem véu”, de Ronaldo Correia de Brito, parte em busca de algo perdido em meio ao sertão sofrido

José Almeida Júnior, autor de Última hora.

O povo indomável

Por HARON GAMAL

“Última hora”, de José Almeida Júnior, recupera a história recente do Brasil em linguagem fluida, sem empecilhos

Wellington de Melo, autor de Felicidade.

A última miragem

Por HARON GAMAL

“Felicidade”, de Wellington de Melo, narra a desesperança, a denúncia de um mundo abjeto, sem saída

Ilustração: Oscar Nakasato por Fábio Abreu.

Estrangeiros

Por HARON GAMAL

“Dois”, de Oscar Nakasato, parte dos conflitos familiares para discutir as relações afetivas e suas consequências

Francisco Maciel, autor de Não adianta morrer.

Condenados

Por HARON GAMAL

“Não adianta morrer”, de Francisco Maciel, é um romance em círculos, cuja força arremessa todos seus personagens para o centro

Antonio_Cestaro_212

Que loucura!

Por HARON GAMAL

“Arco de virar réu”, de Antonio Cestaro, é um romance de alta voltagem, sem a preocupação de agradar a ninguém

Carlos_Marcelo_209

Mortes no paraíso

Por HARON GAMAL

Em seu romance de estreia, Carlos Marcelo acerta na escolha do cenário e na construção dos personagens

Márcio-André, autor de Leonardo contra Paris

Cidades partidas

Por HARON GAMAL

Entre Paris e São João do Meriti, personagem se vê duplicado num jogo entre a vida real e a virtual

Paulo Rosenbaum, autor de Céu subterrâneo

Estado de sítio

Por HARON GAMAL

“Céu subterrâneo” mescla à narrativa o mistério inerente à religião e personagens históricos e célebres da cultura judaica

Antonio Risério, autor de Que você é esse?

As cores do camaleão

Por HARON GAMAL

“Que você é esse?”, de Antonio Risério, funciona como uma espécie de novela de formação do Brasil