Vidraça

abril 2018 / Vidraça / 18 anos do Rascunho

Texto publicado na edição #216

18 anos do Rascunho

Notas sobre literatura e mercado editorial

> Por Jonatan Silva | Coluna

thapcom_jornal_rascunho

Esta edição marca os 18 anos do Rascunho. Criado em 8 abril de 2000, são milhares de páginas em 216 edições analisando a literatura brasileira por meio de resenhas, ensaios, entrevistas e publicação de inéditos. Para comemorar a maioridade, o jornal prepara boas novidades a partir desta edição, que traz o retorno de Miguel Sanches Neto, com a coluna Perto dos livros. Outro que está de volta é o editor Rogério Pereira, com a Sujeito oculto. Para breve, está previsto um novíssimo site, com atualizações diárias de notícias sobre o mundo literário e conteúdos exclusivos on-line. Novos colunistas também devem desembarcar nas páginas do jornal nos próximos meses, como Adriana Lisboa e Claudia Lage. Ou seja, o Rascunho completa 18 anos reforçando o seu, um tanto arrogante, slogan: o jornal de literatura do Brasil.

Cedo demais
Victor Heringer (1988–2018) morreu em 7 de março, em Copacabana, no Rio de Janeiro. Considerado uma das vozes mais intensas e interessantes de sua geração, Heringer recebeu o Jabuti pelo primeiro romance, Glória (2013), que narra a história de um artista plástico apaixonado por uma mulher impossível. Seu livro mais recente, O amor dos homens avulsos (2016), obteve excelente acolhida crítica. No dia de sua morte, Victor enviou um poema para ser publicado na revista Deriva. Neste mês sai, pelo Suplemento Pernambuco, um ensaio dele a respeito da intervenção federal no Rio. 

Figura controversa
A figura de Maria Madalena é uma das mais controversas da história do cristianismo. Conhecida por ser uma prostituta arrependida, ela teria se tornado uma discípula e companheira de Jesus. Na tentativa de traçar uma biografia fiel dessa mulher misteriosa, Michael Haag investigou textos como o Novo testamento e os evangelhos apócrifos, que datam dos séculos 2 a 4. Em Maria Madalena, publicado pela Zahar, Haag faz um resgate histórico e pessoal na busca da verdade sobre uma personagem ainda obscura. Sem ater-se às polêmicas, o autor usa uma linguagem clara e acessível, capaz de fisgar o leitor sem que seja preciso abrir mão da força de Maria Madalena.

Inéditos
A TAG Experiências Literárias acaba de lançar mais uma modalidade de negócio, focada em um público mais amplo e títulos mais comerciais. A TAG Inéditos, voltado aos best-sellers nunca publicados no Brasil, custa R$ 39,90 contra R$ 69,90 do plano tradicional. Criada em 2014 por três amigos, a TAG possui mais de 25 mil assinantes e atende 1,5 mil cidades em todo o país.

Literatura comparada
Uberlândia (MG) sediará entre 30 de julho e 3 de agosto o Congresso de Literatura Comparada, promovido pela Abralic e pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU). O encontro reunirá importantes nomes da área, como o professor Ottmar Ette, da University of Potsdam (Alemanha). Os debates serão envoltos na temática Circulação, tramas & sentidos na literatura, cujo objetivo é reafirmar a ideia de textualidades contemporâneas. Mais informações pelo site: www.abralic.org.br. 

Biografia
Becoming, o livro de memórias de Michelle Obama, ex-primeira-dama dos Estados Unidos, deve ser lançado no Brasil em novembro pela Objetiva. A publicação acontecerá simultaneamente em 24 países e pretende ser um relato íntimo e singular de umas das mulheres mais influentes e importantes da história recente. “Escrever Becoming foi uma experiência pessoal profunda. Ele me deu, pela primeira vez, um espaço para refletir com honestidade sobre a trajetória inesperada da minha vida. Falo de minhas raízes e de como uma menina do South Side de Chicago encontrou sua voz e canalizou a força de usá-la para empoderar outras. Espero que a minha jornada inspire leitores e leitoras a encontrar coragem para se tornarem as pessoas que aspiram ser”, comentou. 

Má notícia
Foi decretada, no começo de março, a falência da Laselva, livraria presente em diversos aeroportos brasileiros e que estava em processo de recuperação judicial desde 2013. O rol de credores da rede contava com mais de 800 nomes, entre eles as editoras Companhia das Letras, Record, Intrínseca, Sextante, Planeta, a distribuidora Catavento e até mesmo a Infraero. Ainda cabe recurso à decisão. 

Prêmio Cepe
Terminam em 17 de maio as inscrições para o IV Prêmio Cepe Nacional de Literatura, organizado pela Companhia Editora de Pernambuco, nas categorias romance, conto e poesia. Os livros de literatura infantil e juvenil podem ser inscritos numa premiação à parte, criada a partir deste ano. Mais informações: www.editora.cepe.com.br

 

Breves

• Terminar em 16 de abril as inscrições para concurso de poesia da Editora UFPR. O vencedor terá seu livro publicado pela editora e será lançado em setembro durante A Semana Literária do Sesc. O edital está disponível em www.editora.ufpr.br.

• A edição número zero do fanzine Obsoletos já está nas ruas. Com textos sobre poesia, tradução, contos e um ensaio, a publicação curitibana é produzida de maneira independente e está disponível na Biblioteca Pública do Paraná, na Biblioteca da Reitoria da UFPR ou no site pelo link: http://bit.ly/Obsoletos

• O crítico literário e escritor James Wood pode vir à Festa Literária de Paraty (Flip). Os organizadores estão em conversa com o autor de Como funciona a ficção. Até o momento, não há nenhuma informação oficial sobre o assunto.

 

 

Print Friendly